New City
Como furar uma bolha, escapar de uma redoma? Sentir os pedaços da estrutura vindo até você, como fragmentos de outras realidades que se chocam se dividem? Se expor ao desconhecido? Questionar e duvidar da primeira referência criada de um espaço, e inventar outras a partir do encontro? Construir caminhos, rotas e itinerários, configurando movimento e energia?
É possível nomear o sentimento do corpo sendo preenchido por um território?
Back to Top