Irun Orí é uma narrativa visual, documental e experimental que se apoia na poesia para trazer à luz um movimento de conexão diaspórica entre Brasil e Moçambique, buscando investigar o ato de trançar enquanto transmissão e preservação de valores ancestrais, geracionais e de afeto, e como importante instrumento de consciência política de espaço, corpo e cabelo, apontando novas dimensões para se pensar identidade negra e memória pelas vias da resistência e para além da estética.

Direção: Juh Almeida
Direção de Fotografia: Rafael Ramos
Assistente de Câmera: Beatriz Lima
Still: Ana Luiza
Produção: Samir Pereira
Daniel Tulipeno
Juliana Pina 
 Camila Florentino
Personagens:
Alice Braz
Emira Sophia
Mariana Desterro
Gabriela Cabral
Tai Grecco

Outros projetos